quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Dons Espirituais: Tire suas Dúvidas!

Ótimas explicações do Pr Luciano Subirá!


COMO ME MOVER NOS DONS ESPIRITUAIS
https://www.youtube.com/watch?v=phcwkG5MxUY

AS 3 FORMAS DE FALAR EM LÍNGUAS
https://www.youtube.com/watch?v=-HlmYk2e33o

EXPLICANDO OS 9 DONS ESPIRITUAIS
https://www.youtube.com/watch?v=apeDZQgN3yM

sábado, 8 de abril de 2017

Por que ir a Igreja?

POR QUE IR À IGREJA? POR QUE CONGREGAR?
"Posso adorar a Deus em casa, ler a Bíblia no celular, orar a qualquer hora e receber milagres, ouvir pregações no YouTube ou na TV, ler estudos bíblicos na internet, ajudar pessoas em qualquer lugar, ter amizades em vários ambientes que frequento, e falar de Jesus a qualquer pessoa que encontrar pelo caminho."

Já ouvi afirmações similares a essa de várias pessoas que conheci. É um argumento usado para não se envolverem numa igreja local. Infelizmente esse argumento acima resume o pensamento individualista de nossa época.

Jesus nos mandou reunir-se como igreja por vários motivos!

PRECISAMOS RECEBER DE OUTROS CRISTÃOS:
- precisamos aprender as doutrinas bíblicas e tirar nossas dúvidas;
- precisamos de pessoas próximas que nos encorajem e orem por nós (especialmente um discipulador);
- precisamos de um ombro amigo na hora da dificuldade;
- precisamos aprender como tomar posse das promessas bíblicas (instrução e apoio);
- precisamos de ajuda para sermos libertos e curados de nossas mazelas;
- precisamos de amigos cristãos que nos estimulem às boas obras (inclusive ação social e evangelismo, pois a maioria não faz isso sem incentivo);
- precisamos de ensino e estímulo para conduzir nosso casamento, filhos e finanças à maneira de Deus;
- precisamos de um pastor e líderes que nos preguem o que precisamos ouvir (e não apenas o que escolhemos ouvir no youtube);
- precisamos orar e adorar junto com outros cristãos para receber dádivas que o Espírito Santo ministra apenas na Unidade;

PRECISAMOS DAR UM POUCO DO QUE RECEBEMOS:
- precisamos edificar outros cristãos com nossos dons, experiência e conhecimentos bíblicos;
- precisamos orar e ajudar os fracos na fé;
- o novo convertido precisa ser ensinado a orar, adorar, ler a Bíblia, etc;
- precisamos envolver os novos convertidos num ambiente com amizades saudáveis (ou seja, pessoas com valores morais sólidos);
- precisamos aprender a amar as pessoas de forma incondicional como Cristo amou;
- precisamos crescer e nos tornarmos pais e mães espirituais (fazer discípulos);
- precisamos cumprir o chamado que Deus nos deu (esse chamado é pessoal, mas sempre acontece com o engajamento de outros cristãos);

Quem escolhe não congregar numa igreja está automaticamente escolhendo enterrar o chamado (ministério) que Deus lhe confiou. É preciso que cada cristão abandone a mentalidade de ir a igreja apenas para "RECEBER" e assuma seu chamado para "DAR" (servir).

Você é chamado a AMAR. 
E não existe amor sem renúncia e abnegação em prol de outras pessoas!

Atos 20:35 Em tudo o que fiz, mostrei-lhes que mediante trabalho árduo devemos ajudar os fracos, lembrando as palavras do próprio Senhor Jesus, que disse: ‘Há maior felicidade em dar do que em receber’.

Pr Cleber.

quinta-feira, 28 de julho de 2016

Anticristo será um Líder Muçulmano

O ANTICRISTO SERÁ UM LÍDER MUÇULMANO!
É apenas uma tese, mas bate com diversas profecias bíblicas.
(Esse vídeo comenta sobre algumas profecias: https://www.youtube.com/watch?v=WBpYRXw4RmI)

Veja:
- O Islã odeia os cristãos e Israel;
- O Islã deseja dominar o mundo;
- A mídia insiste que o Islã é uma religião de paz;
- O Islã é a religião que mais cresce no mundo e tem dominado várias nações implantando a Sharia;
- Etc.

E o mais curioso: o Islã aguarda a volta do 'profeta' Jesus e a vinda do Califa (um governante mundial que chamam Mahdi, o 12º Imã) - no Apocalipse esses dois personagens são descritos como o Falso Profeta e o Anticristo!! Creio que virá um profeta poderoso fingindo ser Jesus, e dessa forma unirá muçulmanos e muitos cristãos nominais numa religião mundial.

Vejo que a esquerda ocidental (que também é regida pelo espírito do anticristo e odeia o cristianismo) colocou uma camisa de força no Ocidente com seu multiculturalismo politicamente correto. É inacreditável ver tantos líderes europeus e a mídia defendendo o Islã como pacífico e fazendo "vista grossa" para práticas islâmicas em seu território, como por exemplo, as zonas governadas pela Sharia. Veja exemplos aqui: