Não fui reformado! Fui transformado por Deus!

Nesse blog não fazemos proselitismo. Esse é um blog pentecostal voltado para pentecostais.
Veja na Bíblia os 5 PONTOS DO ARMINIANISMO. E veja aqui mais itens sobre Arminianismo.

segunda-feira, 11 de agosto de 2008

Críticas Calvinistas

Respondendo a Críticas Calvinistas
CLIQUE AQUI

Amados,
existem algumas acusações feitas comumente pelos calvinistas ao arminianismo que não passam de falácia. Listei algumas nesse artigo e respondi (em amarelo) a cada uma.

Reitero meu amor pelos irmãos calvinistas. Mas não posso me calar diante de acusações infundadas.

A teologia arminiana não gravita em torno do calvinismo e não temos crise com o termo arminiano (favor não confundir com pelagiano!).

Sou arminiano porque esse é o entendimento bíblico natural, e não por querer fazer oposição ao calvinismo. Mas rebato as críticas calvinistas justamente porque o calvinismo é o principal disseminador de inverdades sobre o arminianismo.

4 comentários:

Mozart Paulino disse...

Esqueci, se o irmão puder indicar meu blog no seu, serei muito grato.

Favor publicar meu comentário anterior, ok?

Abraços

Anchieta Campos disse...

Caro pastor Cleber, a paz do Senhor.

É sempre bom vermos mais uma espaço pentecostal clássico em defesa dos valores ortodoxos da doutrina bíblica-cristã.

Realmente o calvinismo ataca muito mais o arminianismo do que o arminianismo ataca o calvinismo. Sempre percebi um certo ar de arrogância numa boa parte dos defensores irrestritos dos ensinos de Calvino.

Este atrito nunca é saudável e benéfico para a Igreja, pois quase sempre acaba fugindo do campo das idéias e adentrando no campo pessoal.

A divergênia sempre persistirá, mas devemos saber usá-la para o proveito e desenvolvimento do Corpo, e não para sua destruição.

Também já demonstrei em meu blog, por meio de alguns artigos, a fragilidade da predestinação incondicional do homem, e suas secundárias doutrinas.

Que possamos sempre defender as doutrinas bíblicas, sempre do modo menos prejudicial possível. Mas se tiver que ocorrer prejuízos para que se honre as doutrinas biblicas, que ocorram!

Abraços fraternos meu caro!

Anchieta Campos

Victor Leonardo Barbosa disse...

Olá pastor Cleber, a Paz do Senhor!

Obrigado por sua participação no blog Geração que Lamba e dei uma olhada no quadro comparativo entre os movimentos, e creio que há equívocos com relação ao fundamentalismo. Qual tipo de fundamentalismo você se refere, ao movimento histórico? Se for esse de forma alguma eles consideram a fé irracional, apenas crêem que a certas questões bíblicas não necessitam do crivo da evidência, pois a Bíblia defende a si mesma, mas isso não é utilizado por todos os fundamentalistas. E com certeza eles não atribuem a doença ao diabo, pelo contrário são bastantes céticos com certos tipos considerados ações demoníacas.

Esses classificações se assemelham mais ao neo-pentecostalismo e a subcultura pentecostal, extremamente radical.

Isso são apenas observações e de forma alguma quero menosprezar seu trabalho aqui no blog, que está endo realizado com muito afinco.

parabéns, abraços e Paz do Senhor!

Cleber disse...

Mano,
é complicado sintetizar todas as nuances de um movimento. A intenção do meu texto é dar uma idéia geral.

Entendo o que vc diz. Mas tem setores fundamentalistas q defendem essas idéias.

Obrigado pela leitura e sugestões. São sempre bem vindas.