Não fui reformado! Fui transformado por Deus!

Nesse blog não fazemos proselitismo. Esse é um blog pentecostal voltado para pentecostais.
Veja na Bíblia os 5 PONTOS DO ARMINIANISMO. E veja aqui mais itens sobre Arminianismo.

quarta-feira, 10 de junho de 2009

A Diferença na Prática - 5

A Diferença na Prática - 5

O calvinista diz:
"A nossa oração nunca muda absolutamente nada do que vai acontecer, porque o que vai acontecer já está determinado por Deus antes da fundação do mundo. O único objetivo da nossa oração é ter comunhão com Deus". John McArthur, num programa de rádio.

O arminiano diz:
Mt:7:7-8: Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á. Porque, aquele que pede, recebe; e, o que busca, encontra; e, ao que bate, abrir-se-lhe-á.

Tg:4:2: Nada tendes, porque não pedis.

~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~
COMENTÁRIOS:

Tenho amigos reformados que acreditam na atualidade dos dons espirituais, mas eles não oram pedindo os dons, pois alegam que se Deus quiser irá dar e pronto (já está determinado!). E por não orarem eles não recebem os dons ("Nada tendes porque não pedis" - Tg:4:2).

Ou seja, a recomendação paulina (1Cor 12.31 e 14.1) é totalmente desprezada com o argumento de que é tudo "pela graça" e orar seria uma "obra humana". Eles dizem que não recebemos dons por "esforço humano" e isso é verdade! O detalhe é que orar não é uma "obra humana" para conquistar favores divinos. Pelo contrário, orar é reconhecer nossa dependência de Deus. É entregar a Deus nossas petições e esperar pela resposta Soberana dEle. O momento da oração é o momento em que o ser humano coloca de lado sua habilidade e decide depender de Deus.

Sabemos que o grande objetivo da oração é ter comunhão com Deus. Mas a Bíblia também ensina que podemos deixar de receber bênçãos por falta de oração (Tg 4.2).

A Bíblia diz ainda que somos parceiros de Deus no avanço do Seu Reino: Nós somos cooperadores de Deus. (1Cor:3:9). Por isso Ele mandou pedirmos:
- que Seu reino venha até nós (Mateus 6.10);
- que obreiros fossem enviados a seara (Mt 9.38);

Observe que são coisas que Deus quer fazer, mas que mandou pedirmos. Isso porque o mundo jaz no maligno e nós somos parceiros de Deus no projeto de trazer o Reino.

É comum ouvirmos calvinistas dizerem que os avivamentos são atos soberanos de Deus, e que por isso, é irrelevante orar por avivamento. Mas a história mostra que os avivamentos sempre começaram com pessoas se dispondo a orar. Inclusive os avivamentos iniciados entre irmãos calvinistas foram antecedidos por muita busca em oração.

Por essas razões é muito grave propagar a mentira de que a oração não muda nada.

Um exemplo prático de como a oração muda situações pode ser visto no testemunho de Alexander Ogorodnikov:




Se Alexander não tivesse orado o resultado teria sido outro.
Se as pessoas que Deus chamou não tivessem orado o resultado teria sido outro.

Precisamos sair da dimensão da auto-suficiência e entrar na esfera da dependência de Deus, pela oração. Dizer que Deus já determinou tudo e que por isso não precisamos orar é uma forma sutil de se manter na auto-suficiência.

2 comentários:

Trabalhadores do Reino disse...

Caro irmão, ao ler seu texto, lembro-me da conclusão do trabalho que fiz para o curso Básico na EBPS, da AD.

Na oportunidade, percebi que todas as teologias sistemáticas que temos aqui em casa são calvinistas. Conquanto que estudante de idéias e pensamentos de outros, não posso pensar com a mente de outros, embora reconheça a dedicação de alguns. Mas, preciso sempre ver os dois lados da moeda. Como na ocasião o professor semeou o calvinismo na sala e até sugeriu um teólogo calvinsita para a pesquisa, fiz o que pude para procurar uma teologia arminiana, mas não consegui. Com o avanço do pensamento dentro da Teologia Relacional, o Teísmo Aberto, voltei a pesquisar o assunto e encontrei o seu Blog. Gostaria que me sugerisse uma boa Teologia Sistemática Arminiana para comprar.

O texto do irmão concorda com a postura assumida pelos calvinistas (acredito que não todos) que tentam eximir-se da responsabilidade de cumprir o ide, deixando tudo a cargo da Graça Irresistível. Mas eu me lembro de mais textos na Bíblia que nos mandam pregar o evangelho do que os que falam sobre a tal predestinação.

Se puder, faça-nos uma visita.

Na Paz de Cristo;

ELENILDA GRAMISCELLI SALES

Cleber disse...

Amada,
recomendo a Teologia Sistemática Pentecostal.

Um forte abraço!