quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Não me odeie porque sou arminiano - 2

Não me odeie porque sou arminiano - 2

Manos, nos recents posts desse blog procurei ressaltar a diferença entre calvinismo e arminianismo, e especialmente mostrar os pontos em que o calvinismo distoa da Bíblia.
Nós arminianos já estamos acostumados a ver o arminianismo ser criticado pelos calvinistas, inclusive muitas vezes indo ao extremo de nos chamar de hereges e afirmando que não somos salvos.

Já arminianos criticando o calvinismo (com veemência) é algo bastante raro. E por isso, mesmo tratando os irmãos calvinistas com respeito, alguns acabam se irritando com meu BLOG sem ao menos analisar os argumentos que apresento.Em alguns casos percebo má vontade até em entender o que afirmo - aí fica difícil aprofundar qualquer tema.

Não quero criar rusgas com meus irmãos em Cristo.

Não considero o calvinismo heresia. No máximo um vento de doutrina. Mas prefiro dizer que é uma forma diferente de encarar a Bíblia que alguns teólogos criaram.

Pessoalmente tenho total aversão aos 5 pontos do calvinismo.Mas, como já disse em outros posts, o calvinismo desenvolveu ressalvas a cada ponto que o tornaram muito próximo da Bíblia.

Quando critico o calvinismo refiro-me a esses 5 pontos que são incoerentes com a Palavra de Deus.Conheço bastante o calvinismo, mas minha maior aversão é com os 5 pontos. É por isso que faço afirmações do tipo: "O calvinista coerente não evangeliza e nem ora". Pois estou falando da teoria, dos 5 pontos.

Tenho plena ciência que a ala moderada do calvinismo de fato ora e evangeliza. E não quero ser injusto com esses valorosos irmãos, pois estamos no mesmo exército lutando contra o mesmo inimigo.

Mas percebo como é difícil mostrar a irmãos em Cristo que pensamos diferente.

Manos, tbm vou repetir o seguinte: se errei em algum comentário me mostre o erro para que eu possa corrigir.Não tenho problema algum em fazer isso. Aliás, já fiz isso.Por vezes nos expressamos mal mesmo.

PS.: Vou procurar usar um tom mais ameno pois percebi que algumas provocações que fiz foram mal-interpretadas e não quero criar 'rusgas' com nenhum irmão em Cristo, pois amo meus irmãos e Deus está muito acima dessas diferenças.

Pr Cleber.

5 comentários:

Ednaldo disse...

Pr. Cleber, em Cristo eu te amo meu irmão, em debates sempre haverá, paixões envolvidas, não me entenda mal.

Se não tivermos oportunidade de brigarmos pessoalmente nessa vida, vamos nos abraçar no porvir.

Não sou do tipo que queima "hereges" - desculpe mas não resisti.

Em Cristo,

Ednaldo.

Daniel Grubba disse...

Gloria Deus pelo tom conciliador do irmão. De fato, estamos todos lutando contra o mesmo inimigo e não podemos perder isto de vista.

Cleber disse...

Ufa!
Escapei da inquisição então....hehehe

Cleber disse...

Daniel,
obrigado pela participação...
És sempre bem vindo!

cincosolas disse...

Amados,

A propósito do tema, gostaria de recomendar a leitura do meu artigo "Breve comparação entre arminianismo e calvinismo", em http://cincosolas.blogspot.com/2007/08/breve-comparao-entre-arminianismo-e.html

Foi escrito no ano passado, mas creio que ainda é atual.

Em Cristo,

Clóvis